quinta-feira, 27 de janeiro de 2011



Se sei quem são os meus verdadeiros amigos? 
Sei...pois são "os poucos" mas os essenciais que perto ou mesmo a centenas de quilómetros de distância partilham sorrisos raros e lágrimas e lamechices (discretamente, tal e qual como é o meu "ser").  




"Não é amigo quem se ri com as minhas graças, mas quem chora com as minhas lágrimas."

                                                                                                                                                       Tagore



Sem comentários:

Enviar um comentário