sábado, 16 de abril de 2011





E o seu coração disse "BUM" com intenção de nunca mais voltar a bater, de nunca mais chorar e de nunca mais voltar a sofrer. Ela deixou a sua ultima lágrima acompanhado por um sorriso. Um sorriso de alívio que só Deus sabe porque.

10 comentários:

  1. não muito querida. tenho alguns conhecimentos do que se passou(como a maioria :p) só que transformo noutras palavras mais 'delicadas' percebes?

    ResponderEliminar
  2. sim, mas como já leste desde o ínicio. já deves ter percebido mais ou menos onde quero chegar :)

    ResponderEliminar
  3. e é mesmo isso que eu preciso agora, de descansar a minha cabeça. muita paz e silêncio. obrigada marte (:

    ResponderEliminar
  4. seguui *-*
    segue-me também (:
    beijinhos $:

    ResponderEliminar
  5. é mesmo verdade, com eles não tenho medo de ser magoada e não tenho vontade de chorar sequer, asério ainda bem que nasceram :) obrigada marte.

    ResponderEliminar
  6. desculpa só agora responder ao comentário, mas estive afastada de tudo. Não sei se ainda te lembras, era sobre a história do teu pai.
    A história tocou-me. Tu só descobriste que ele era o teu pai quando ele apareceu nesse dia? Que idade tinhas?
    Espero que um dia possas esquecer essa pessoa que nao mereceu que lhe chamasses pai, mas se gostares do teu padrastro, ele pode conseguir ser o pai que nunca tives-te...
    desculpa preguntar, mas ele chegou a ter alguma coisa com a tua meia irmã, isso é horrível!
    força marte*
    - não me considero sortuda, porque agora tenho alguém que supostamente devia ser como um pai, e só me passou a ideia errada. O meu padrastro é um monstro comigo.

    ResponderEliminar
  7. simplesmente fiquei apaixonada pelo teu blog , é tão fofo *e* , sigo com imenso gosto , acompanhas ?

    ResponderEliminar
  8. Este post está BRUTAL!!! :O Desde a foto, às palavras... lindo, mesmo!

    Tenho de seguir!


    http://myfashioninsider.blogspot.com/

    ResponderEliminar